27 de jun de 2014

Saudade

"tem dias que a saudade
dos meus naufrágios em teus olhos
e da perdição do meu olfato em teu pescoço
me come a carne, me rói o osso"

Nenhum comentário: