29 de jan de 2008

O Melindre é Vaidade Pura

O melindre é um movimento da vaidade: não quero que o meu antagonista leve a melhor sobre mim, e tomo o próprio antagonista por juiz do meu mérito.
Quero produzir um efeito sobre o seu coração.
É por isso que vamos muito para além do que é razoável.
Algumas vezes, para justificar a própria extravagância, chegamos a dizer-nos que este competidor tem a pretensão de nos armar em tolos.
Stendhal, in "Do Amor"

Nenhum comentário: