4 de abr de 2009

De manhã escureço
De dia tardo
De tarde anoiteço
De noite ardo.

(...)
Vinicius de Moraes

Nenhum comentário: